Hospital de Campanha completa dois meses de operação

O Hospital de Campanha (HC) de Jundiaí – montado nas instalações do 12º Grupo de Artilharia de Campanha (12º GAC) Barão de Jundiahy – completou dois meses de atividades nesta semana. A unidade recebeu os primeiros pacientes no dia 30 de junho. Equipado com 24 leitos de enfermaria e um leito de estabilização – exclusivos para atendimento covid-19 -, além de equipe multidisciplinar, até o momento foram encaminhados para a unidade 184 pacientes. Em meados de agosto a taxa de ocupação chegou a 83%. Atualmente esse índice é de 41%. Dos pacientes encaminhados ao HC, 58,2% são do sexo masculino e 41,8,5% do sexo feminino. 

O HC funciona como retaguarda para o Hospital de Caridade São Vicente de Paulo (HSV). Os leitos são utilizados para receber pacientes na fase final de recuperação da doença. Os pacientes mais graves e que necessitam de suporte da Unidade de Terapia Avançada (UTI) e de ventiladores mecânicos permanecem no HSV. No HC 153 pacientes já foram para casa e 21 retornaram ao HSV, com alguma necessidade específica.  Dez seguem sob os cuidados do HC. 

O HC tem sido essencial para suprir a demanda de atendimento aos pacientes de Jundiaí e região na fase final da superação da covid-19. Na emergência do HSV os índices de atendimentos a demais ocorrências, como acidentes, quedas, agressões, infarto, acidente vascular cerebral e outras situações alcançaram os mesmos números de atendimentos de antes da pandemia do novo coronavírus. Desta forma, o planejamento estratégico com separação de leitos, flexibilização de alas do Hospital e suporte do HC têm sido diferenciais, permitindo manter a qualidade da assistência em saúde.

Posts Relacionados