Hospital São Vicente investe R$ 56 mil em equipamentos que auxiliam no processo de intubação dos pacientes

Desde o início da pandemia, o Hospital de Caridade São Vicente de Paulo (HSV) tem buscado a melhoria no atendimento prestado à população e principalmente no tratamento dos pacientes diagnosticados com a covid-19. Dentre os investimentos estão a capacitação e contratação de mão de obra qualificada para as equipes médicas e de enfermagem, além da aquisição de novos equipamentos, como o Vídeo Laringoscópio. Ao todo, o HSV investiu R$ 56 mil na compra de três equipamentos, que estão distribuídos entre o Centro Cirúrgico, Emergência e Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Geral.

“O aparelho facilita na visualização da via aérea para a equipe durante o processo de intubação do paciente, isso nos oferece melhor condição e segurança para realizar o procedimento. Ajuda principalmente nas vias aéreas difíceis, quando as tentativas de intubação demoram para ter sucesso”, explica o médico coordenador da UTI, Dr. Eduardo Renno. 

O equipamento da marca VLS COPE, possui design de ergonomia portátil e conta com monitor de visão completa, que permite que os clínicos melhorem suas chances de sucesso na primeira tentativa do procedimento, minimizando as chances de lesões que podem ocorrer durante a intubação.

“O vídeo laringoscópio é formado por aço inoxidável de grau médico 316 que permite fácil esterilização, uma câmera 2.0 mega pixels com capacidade anti-embaçante e monitor de alta resolução, possibilitando nítida visão da estrutura da glote, além de cabo antimicrobiano de firme aderência. Com certeza um grande aliado para as equipes na linha de frente no combate a covid-19”, explica o engenheiro clínico, Alcir Giorgiani.

Os equipamentos já estão em uso para a assistência aos pacientes no HSV.

Posts Relacionados