São Vicente forma sua primeira turma de brigadistas

Recentemente, o Hospital São Vicente capacitou um grupo de 160 colaboradores para atuar como brigadistas. Por meio do Setor de Engenharia de Segurança do Trabalho do SESMT, essa equipe  foi dividida em cinco turmas que foram treinadas na cidade de Itapecerica da Serra, no campo de provas da empresa Rochacara Ecofire. Os treinamentos tiveram duração de oito horas para cada turma e foram realizados entre novembro de 2020 a janeiro de 2021.

Primeira turma de brigadistas do HSV

Esse grupo, com os conhecimentos adquiridos em treinamento especializado, tanto teórico como prático, passa a desenvolver ações no sentido de prevenção e combate a princípios de incêndio, além de prestar os primeiros socorros a possíveis vítimas. 

De acordo com o técnico em segurança do trabalho, Fábio Ferigato, o preparo desta equipe demonstra o interesse do hospital em aprimorar a cultura de segurança. “A formação dos brigadistas é mais uma ação com intuito de reduzir riscos e garantir um ambiente seguro para colaboradores e usuários”, explica.

Na prática, os brigadistas são funcionários do hospital de todos os cargos e funções que, durante a capacitação, aprendem a identificar situações de emergência, acionar alarme e Corpo de Bombeiros, cortar energia quando necessário, realizar primeiros socorros, controlar o pânico, guiar a saída das pessoas para abandono de área, verificar equipamentos e combater princípios de incêndio. Vale destacar que a brigada contará com reuniões e simulados com intuito de preservar o conhecimento adquirido e aplicá-lo continuamente.

O responsável técnico pela Brigada de Incêndio Iberê Santos acrescenta ainda que além da formação da brigada, o HSV está substituindo e ampliando todo seu sistema de alarme de incêndio e detector de fumaça por equipamentos com tecnologia mais avançada e confiável bem como a compartimentação de seu prédio com a instalação de portas corta-fogo. 

“Todas essas melhorias estão atreladas à conquista definitiva do Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB), cuja aprovação do Projeto Técnico ocorreu em 2020”, destaca Sidinei Brocanello, que também é técnico em segurança do trabalho.

Posts Relacionados